A origem valenciana do xadrez

A origem valenciana do xadrez

Aarao
Aarao
Aug 20, 2016, 1:36 PM |
3

“O que a história nos ensina é que a história não nos ensina nada”. Com o aforismo do dramaturgo irlandês Bernard Shaw podia começar esta crónica para confessar o meu espanto ao ver transladada no Nuevo Ensayo de Bibliografía Española de Ajedrez (NEBEA) para a cidade espanhola de Valência a origem do xadrez moderno. Seguindo os manuais canónicos, sempre pensei que o xadrez moderno deu os primeiros passos na Itália ou na França. Felizmente e graças a Deus não sou o único equivocado nesta matéria sobre a qual já se publicaram seguramente milhares de livros. Anatoly Karpov, o 12º campeão do mundo do xadrez e um dos seus maiores praticantes, também não escondeu a sua perplexidade no prólogo (de 2005) que escreveu ao livro El regreso de Francesch Vicent impresso pela primeira vez em Valência em 1495, considerado o primeiro tratado de xadrez publicado no mundo e que poderia ser a chave para resolver esta questão. Escreve Karpov no citado prefácio: “Queremos presentarles un libro muy serio y documentado sobre la Historia del Ajedrez. Que esta presentación se haga aquí en Valencia tiene una importancia capital porque hoy ya contamos con pruebas de que el ajedrez con las nuevas reglas, el ajedrez moderno, fue inventado aquí en Valencia.  Es absolutamente increíble que después de 500 años todavía podamos descubrir cosas relevantes de este juego. Todo esto nos proporcionará nuevas emociones, y este descubrimiento permitirá impulsar futuras  actividades tanto en Valencia, como en España”.
Kasparov, talvez o mais brilhante jogador de xadrez de todos os tempos, defende também a tese valenciana da origem do xadrez moderno. Assim, sublinha, na página 179 do seu livro  Como a vida imita o xadrez, edita em Barcelona, em 2006: “España es también el lugar donde la reina expandió su poder —en el juego antiguo era una pieza débil, mientras que en el ajedrez moderno es, con diferencia, la más poderosa. En 2005, nuevas y más detalladas investigaciones demostraron que esa fundamental transformación se produjo en Valencia a finales del siglo XV, y rápidamente se extendió por el resto del mundo”.

Com a opinião dos dois ex-campeões do mundo e do árduo trabalho dos investigadores espanhóis, a origem valenciana do xadrez moderno é hoje uma realidade inquestionável.  

De Francesch Vicent esta enigmática personagem a quem se atribui a autoria do primeiro tratado do xadrez moderno muito pouco se sabe. Os seus dados biográficos e bibliográficos registam apenas que nasceu em Segorbe, por volta de 1450 e deverá ter falecido 1512, não se sabe onde. Certo é que publicou em 1495 (15 de Maio mais concretamente) na cidade de Valência o seu célebre tratado que iria revolucionar o jogo de xadrez na Europa com o título Llibre dels jochs partits dels schacs en nombre de 100 (Livro dos jogos e partidas de xadrez em número de 100).

Desgraçadamente, com o passar do tempo, perderam-se todos os exemplares impressos da obra. O último de que se tinha notícia estava guardado na livraria do Mosteiro de Montserrat, mas perdeu-se-lhe o seu rasto, em 1811, durante a invasão napoleônica. Segundo certas fontes, os soldados franceses terão utilizado velhos pergaminhos e livros para fazer cartuchos e um deles foi justamente o célebre tratado.     

A seguir reproduzimos a primeira partida disputada integralmente segundo as regras actuais do xadrez. Conduzem as brancas Castellví e Vinyoles as pretas, actuando como árbrito, Bernat Fenollar. Obviamente que Valência foi o palco desta memorável partida jogada em cerca de 1475.

Castellví-Vinyoles,
Valência, c. 1475

1.e4 d5  2.ed5 Dd5 (assistimos aqui ao primeiro lance da Dama na história do xadrez) 3.Cc3 Dd8  4.Ac4 Cf6  5.Cf3 Ag4  6.h3 Af3  7.Df3 e6  8. Db7 Cbd7  9.Cb5 Tc8  10.Ca7 Cb6  11.Cc8 Cc8 12.d4 Cd6  13.Ab5 Cb5  14.Db5 Cd7  15.d5 ed5  16.Ae3 Ad6  17.Td1 Df6  18.Td5 Dg6  19.Af4 Af4  20.Dd7 Rf8  21.Dd8 mate(diagrama, posição final). Eis o primeiro mate com a Dama que inaugura a idade moderna do xadrez.

phpn1SjKP.png

Primeiro mate com a Dama (c. 1475) que inaugura a idade moderna do xadrez.

 

Texto originalmente publicado na edição impressa do Expresso das Ilhas nº 765

 

Fonte: O Expresso das Ilhas

Link: http://www.expressodasilhas.sapo.cv/desporto/item/49617-a-origem-valenciana-do-xadrez