x
Xadrez - Joga e Aprende

Chess.com

GRATUITO - no Google Play

GRÁTIS - na Loja do Windows Phone

VER
Retrospectiva janeiro
https://www.tatasteelchess.com - Magnus Carlsen com Anish Giri ao fundo.

Retrospectiva janeiro

Trade09
01/02/2018, 09:12 7

Janeiro... janeiro é aquele mês que as coisas começam devagar, quando a gente faz um monte de metas pro ano, e percebe que cumprí-las não é tão fácil... Mas no cenário mundial de xadrez, as coisas realmente aconteceram! Logo no dia 3, vimos um duelo inesquecível - o atual campeão mundial Magnus Carlsen enfrentando a lenda do xadrez online Hikaru Nakamura, pela final do SCC 2017 (Speed Chess Championship) do chess.com. As expectativas se mantiveram, e Carlsen conseguiu um placar largo, ganhando o match por 18 a 9!

Uma das partidas mais impressionantes foi essa em que Carlsen esteve em maus lençóis desde o começo e quando Nakamura parecia ter arrematado a partida com o incrível 52.f6+! sacrificando um peão com a ideia de trocar tudo e conquistar um peão passado distante no final de peões, o campeão mundial mostrou que xadrez não é tão fácil assim!

O replay das 4 horas do match com comentários meus e do convidado especial GM Rafael Leitão podem ser vistos abaixo:

------

Também no início do mês, em Yancheng, na China, o match entre a revelação local Wei Yi, (atual número 22 do mundo), de apenas 18 anos contra o sempre criativo jogador checo David Navara, de 32 anos (número 17) deu o que falar – foram quatro partidas de xadrez clássico, que terminou em 2 a 2, duas partidas de blitz, que também terminaram empatadas em 1 a 1, para culminar no 'Armageddon' (quando o jogador das brancas tem 5 minutos e o jogador das pretas 4, além do direito de empatar a partida para conseguir a ‘vitória’). Wei Yi conseguiu o empate nessa partida decisiva e com isso ganhou o match!

Uma partida que me chamou a atenção foi o ataque sangrento de Navara com direito a sacrifício de dama nessa inicialmente inofensiva defesa Caro-Kann:

null

Fonte: imsa.cn

------

A Rilton Cup é um torneio aberto de muito prestígio jogado em Estocolmo, capital da Suécia, e aconteceu de 27 de dezembro a 5 de janeiro, contando com a participação de muitos jogadores acima de 2600. A vitória ficou com o jovem russo Kiril Alekseenko, de 20 anos, único a conseguir 7.5 em 9 rodadas, uma performance de 2738 pontos! Crucial para o título foi a sua vitória da última rodada contra o também jovem GM norueguês Johan Salomon:

  • Partidas em PGN

null

GM Kiril Alekseenko, nascido em 1997 - rating atual 2590. Foto: Lars OA Hedlund.

------

Aqui no Brasil, tivemos dois grandes eventos - o primeiro deles foi o Aberto do Brasil TERRAVIVA em Brasília, que teve início no dia 11 de janeiro, com a participação de 120 jogadores. O autor que vos fala foi o campeão, com 6 pontos em 7 rodadas! Também com a mesma pontuação, o GM paraguaio Neuris Delgado, e o MF da Paraíba, Luismar Brito. Analisei a minha tensa vitória da 6ª rodada contra o MI Édson Tsuboi para o canal do youtube.

No feminino, a campeã foi a WIM Vanessa Feliciano, seguida da MF Juliana Terao.

null

GM Neuris Delgado, Malcolm Robinson Jr (vice-presidente da FBX), KSM e Raimundo Félix do Nascimento (presidente da FBX). Foto: David Borenstajn

------

De 19 a 26 de janeiro, aconteceu o IV Floripa Chess Open, o maior torneio aberto de xadrez do Brasil, com 409 jogadores! O convidado especial desse ano seria o espanhol Francisco Paco Vallejo, que não pôde viajar de última hora por problemas de saúde na família. O evento contou com a participação de 10 GMs, 12 MIs e jogadores de 14 países diferentes. O número 1 do torneio era a lenda sul-americana Julio Granda Zuniga, com 2657 de rating.

Após 10 rodadas, o grande campeão foi o GM uruguaio Andrés Rodriguez, totalizando 8 pontos, juntamente com outros quatro jogadores. Eu terminei em sétimo lugar com 7.5 (5 vitórias e 5 empates) - inclusive analisei para o canal do youtube minha vitória contra o MI islandês Gudmundur Kjartansson.

No feminino, vitória da MF Juliana Terao, seguida da WMF paraguaia Gabriela Vargas, únicas a alcançarem 6.5 pontos.

Um dos momentos decisivos do torneio foi a vitória do campeão Andrés Rodriguez frente ao GM paraguaio Axel Bachmann, um dos jogadores latino-americanos mais bem sucedidos dos últimos anos. Segue abaixo essa criativa defesa holandesa - variante Leningrado:

------

Na fria cidade de Wijk Aan Zee de 13 a 28, foi jogado um dos eventos mais importantes do ano - o tradicional torneio Tata Steel Chess, que chegou à sua 80ª edição! Muitos dos melhores nomes da elite da atualidade participaram.  É importante notar que esse é o último grande torneio antes do Torneio de Candidatos, que será realizado no dia 10 de março em Berlim! Qualquer torneio que tenha três campeões mundiais merece algum respeito – Carlsen, Anand e Kramnik, além de muitos jogadores do Top 10 mundial. A melhor jogadora do mundo Hou Yifan também tomou parte dessa seleta lista com 14 jogadores.

Um dos momentos críticos do foi a disparada do candidato Shakhriyar Mamedyarov começando o torneio com 5.5/7 - com uma ótima vitória posicional contra o também candidato Fabiano Caruana (análises do GM Dejan Bojkov):

Com isso ele alcançou o seu recorde pessoal de 2817, o 11º maior rating da história e garantiu o posto de número 2 do mundo, com uma considerável vantagem para o 3º colocado, o ex-campeão mundial Vladimir Kramnik.

null

GM Shak Mamedyarov, com o ex-campeão mundial Vishy Anand ao fundo. Foto: https://www.tatasteelchess.com

Na oitava rodada, o holandês Giri conseguiu parar a máquina azerbaijana com uma vitória convincente (análises do GM Dejan Bovkov):

null

'nobody said it was easy...' foto: https://www.tatasteelchess.com

Enquanto isso, Carlsen ganhou essa polêmica partida contra o GM inglês Gawain Jones:

Após 13 rodadas, um empate em pontos entre o atual campeão mundial Magnus Carlsen e o holandês Anish Giri forçou um desempate de partidas blitz.

null

Desempate blitz entre Magnus Carlsen e Anish Giri - foto: https://www.tatasteelchess.com

Com uma vitória convincente de 1.5 a 0.5 nesse mini-match, Carlsen garante o seu sexto título desse cobiçado evento. É importante lembrar que ele começou a participar desse festival em 2004, quando tinha apenas 13 anos, conquistando o Grupo C de maneira convincente:

null

null

Magnus Carlsen estreando em Wijk aan Zee (2004)

null

Tá aí alguém feliz com o hexacampeonato! Foto: Maria Emelianova/Chess.com

Destaque também para o GM indiano Vidit Santosh Gujrathi, de apenas 23 anos, campeão do Grupo B, o Tata Steel Challengers, depois de uma corrida rodada a rodada com o GM ucraniano Anton Korobov. Com isso, Vidit automaticamente se classifica para o grupo A ano que vem!

null

Vidit Santosh Gujrathi, campeão do Tata Steel Challengers. Foto: Maria Emelianova/Chess.com

------

Fevereiro já está aí, e o primeiro desafio aqui no Brasil são as finais dos campeonatos brasileiros! De 6 a 15 de fevereiro, será disputado no Clube de Xadrez Guanabara, no Rio de Janeiro, a final do absoluto, no formato 'mata-mata', com 16 jogadores. O primeiro pré-ranqueado é o GM Henrique Mecking, e também teremos a presença dos GMs Alexandr Fier, Luis Paulo Supi e Everaldo Matsuura (o atual campeão!), além do autor que vos fala que enfrentará na primeira rodada o enxadrista pernambucano Marcelo Bouwman.

A final do feminino será disputada de 17 a 23 de fevereiro no mesmo local, com 10 das melhores enxadristas do país. A primeira pré-ranqueada é a MF Juliana Terao, seguida da WMI Vanessa Feliciano, respectivas campeã e vice-campeã do ano passado. Destaque para a participação de muitas jogadoras entre 19 e 20 anos, como as estreantes Gabrieli de Melo Stella de Becker Queiroz.

------

No exterior, não teremos nada de muito especial, principalmente por causa do iminente Torneio de Candidatos que tem início no dia 10 de março. Entretanto, o Aeroflot Open começa no dia 21 de fevereiro, com uma lista de jogadores impressionante, como sempre. Difícil encontrar um torneio com 72 jogadores, onde 49 são GMs!

Nos vemos mês que vem! 

Online Agora