Wojtaszek Vence Dortmund e Fogos de Artifício na Última Rodada

Wojtaszek Vence Dortmund e Fogos de Artifício na Última Rodada

Durante anos ele permaneceu nos bastidores, trabalhando como 'segundo' para Vishy Anand. Hoje Radoslaw Wojtaszek provou como ele também é um jogador tão forte, vencendo o seu primeiro super-torneio em Dortmund depois do que foi a rodada mais espetacular do Sparkassen Chess Meeting

Dortmund viu uma rodada final muito espetacular. | Foto: Georgios Souleidis.

Um torneio cheio de empates combativos findou com um enorme derramamento de sangue. Duas partidas decisivas na rodada-um era o máximo até agora, e três rodadas viram só empates, mas hoje todas as quatro partidas findaram decisivamente—dobrando o total para oito em 28.

Fedoseev foi o primeiro a pontuar. Isto colocou pressão em Wojtaszek, que elevou o seu jogo quando precisou. Kramnik venceu finalmente uma partida, findou em 50 porcento e manteve o seu rating acima de 2800. O campeão reinante MVL também pontuou a sua primeira vitória nesta rodada final.

2017 Sparkassen Chess Meeting | Resultados da Rodada 7

Fed Name Rtg Pts Result Pts Fed Name Rtg
Vladimir Kramnik 2812 1 - 0 3 Matthias Bluebaum 2642
Vladimir Fedoseev 2726 3 1 - 0 3 Wang Yue 2699
Dmitry Andreikin 2712 3 0 - 1 3 Maxime Vachier-Lagrave 2791
Radoslaw Wojtaszek 2736 1 - 0 3 Liviu-Dieter Nisipeanu 2683

Como o qualificado do Aeroflot Open deste ano, Vladimir Fedoseev não pode sentir-se contrariado com a sua pontuação mais-um, certo? Bem, depois do torneio ele disse: "Não estou satisfeito, porque um segundo lugar nunca é bom."

Fedoseev começou e acabou o seu torneio com uma vitória. Hoje o GM Russo precisou de pouco esforço para derrubar Wang Yue. Já ao lance seis o GM Chinês escolheu um lance questionável (6...Be6 na Giuoco Piano), que até agora tinha sido jogada só por jogadores com um rating abaixo de 2500.

"Eu joguei simplesmente o lance sem pensar demasiado sobre este," disse Wang Yue.

Tendo peões-e dobrados e permitindo também às Brancas de expandir na ala de dama foi demais, e Fedoseev demonstrou perfeitamente porquê. Os cavalos nas margens podem ser muito obscuros.

null

Uma vitória surpreendentemente fácil para Fedoseev vs Wang Yue. | Foto: Georgios Souleidis.

Com Fedoseev tendo pontuado duas vitórias nessa altura, Radoslaw Wojtaszek precisava mesmo de vencer esta partida; doutro modo ele seria mordido pela segunda regra de tiebreak: o número de vitórias.

Enquanto que ele tinha perdido várias oportunidades anteriormente no torneio, hoje o grande mestre Polaco pontuou uma vitória muito suave vs Liviu-Dieter Nisipeanu, e tornou desnecessário de olhar para aquelas regras de tiebreak.

Numa linha secundária da Nimzo-Índia Nisipeanu desistiu do par de bispos por pouca compensação posicional, mas ele ainda estava suficientemente bem após a abertura. Uma imprecisão (20...Tad8, "muito estúpida" segundo ele) quis dizer que ele esteve atrasado para uma configuração com ...Cd7 e ...f6, porque Wojtaszek jogou f5-f6! ele mesmo.

Wojtaszek-Nisipeanu após 22.f6! 

"Ajudou que a posição de Wang Yue contra Fedoseev estava perdida. Eu tinha de arriscar, porque eu sabia que tinha de vencer, disse Wojtaszek sobre este momento.

null

Nisipeanu e Wojtaszek antes do início da sua partida. | Foto: Georgios Souleidis.

Wojtaszek estava para receber um ataque perigoso, quando Nisipeanu decidiu devolver o peão e trocar a sua dama por duas torres. No entanto, o par de bispos brancos só se tornou mais forte.

Desistir de uma torre por um bispo não ajudou Nisipeanu, que teve de atirar a toalha logo após o controle de tempo.

null

null

Wojtaszek chegou a Dortmund pela primeira vez, e vai partir como o vencedor. | Foto: Georgios Souleidis.

Wojtaszek tinha algumas vitórias em torneios no seu currículo, e o Campeonato do Mundo de Sub-18 (em 2004), mas ele ainda estava a espera da sua "grande." Obviamente isto está relacionado com o facto de que, a começar em 2007, ele passou anos nos bastidores, trabalhando como um dos 'segundos' de Vishy Anand. 

Alguns anos atrás aquela cooperação acabou, e para Wojtaszek estava na altura de se focar de novo na sua própria carreira. Depois de alguns sucessos ocasionais (tais como sendo o único jogador a bater Magnus Carlsen no torneio de Wijk aan Zee de 2015), o Dortmund de 2017 é o seu maior sucesso até agora.

Wojtaszek no Facebook, mostrando a lista impressionante de vencedores anteriores, à qual o seu nome será adicionado.

"Este é o maior sucesso da minha carreira," disse Wojtaszek. "No entanto, eu estou também satisfeito e feliz porque o meu desempenho também foi bastante bom em Dortmund. Só contra Andreikin eu estive em apuros. Ontem à noite eu dormi só por quatro horas porque eu estava tão nervoso para a última rodada."

Parabéns no Twitter do novo 'segundo' de Anand que também é da Polónia.

Para além de Fedoseev, mais um jogador findou em mais-um. Máxime Vachier-Lagrave, o vencedor do ano passado em Dortmund, pontuou finalmente uma vitória depois de começar com seis empates.

Dmitry Andreikin foi claramente o mais criativo dos participantes em Dortmund na fase de abertura, e forçou também o Francês a pensar logo bastante cedo. Contra o 1.e4 c5 2.b3 MVL primeiro seguiu o método de Magnus Carlsen, e após 7.h4!? ele pensou por oito minutos e depois apareceu com uma novidade.

Aqui Vachier-Lagrave jogou 7...d5!?C 8.exd6
0-0!? 9.dxe7 Te8, optando por rapidez no desenvolvimento.

Somente um par de lances mais tarde tornou-se claro que MVL tinha avaliado corretamente a posição, e a sua compensação existia. Andreikin decidiu desistir de uma troca por três peões, mas ele ainda não se sentia confortável devido à posição enfraquecida do seu rei.

Não antecipando uma ameaça importante, Andreikin estava subitamente perdido. Ele teve alguma experiência neste torneio com dois peões passados contra uma torre, mas desta vez isso não o salvou.

"Eu não quis fazer um empate porque eu não vi nenhuma diferença entre derrota e um meio-ponto," disse Andreikin.

null

MVL pôde concluir um torneio de certo modo pouco inspirado com uma excelente vitória. | Foto: Georgios Souleidis.

Uma pontuação negativa não seria digna de Vladimir Kramnik, e hoje ele fez tudo o que pôde para a evitar. Primeiro, ele jogou 17 lances de preparação na Réti, e então Matthias Bluebaum teve de lidar não com um, mas com dois sacrifícios de troca!

"Eu pensei que iria ficar melhor no meio-jogo, com chances na ala de rei," disse Kramnik sobre o seu primeiro sacrifício.

Inicialmente Bluebaum jogou todos os lances defensivos certos, mas isso levou-lhe quase todo o seu tempo. Em horríveis dificuldades de tempo ele viu uma perpétua que não era uma perpétua.

"Esta foi a primeira partida em que eu me deixei enredar com a preparação, portanto foi muito difícil de jogar," disse Bluebaum.

null

A força de vontade de vencer de Kramnik hoje deu frutos. | Foto: Georgios Souleidis.

2017 Sparkassen Chess Meeting | Classificações Finais

# Fed Name Rtg Perf 1 2 3 4 5 6 7 8 Pts SB
1 Wojtaszek,Radoslaw 2736 2825 ½ ½ ½ ½ ½ 1 1 4.5/7
2 Fedoseev,Vladimir 2726 2774 ½ ½ 1 0 ½ ½ 1 4.0/7 13.75
3 Vachier Lagrave,Maxime 2791 2766 ½ ½ ½ ½ 1 ½ ½ 4.0/7 13.50
4 Kramnik,Vladimir 2812 2713 ½ 0 ½ 1 ½ ½ ½ 3.5/7
5 Bluebaum,Matthias 2642 2687 ½ 1 ½ 0 ½ ½ 0 3.0/7 11.25
6 Andreikin,Dmitry 2712 2678 ½ ½ 0 ½ ½ ½ ½ 3.0/7 10.50
7 Nisipeanu,Liviu-Dieter 2683 2682 0 ½ ½ ½ ½ ½ ½ 3.0/7 10.25
8 Wang Yue 2699 2679 0 0 ½ ½ 1 ½ ½ 3.0/7 9.75

A 45 edição do Sparkassen Chess Meeting teve lugar de 15-23 de Julho, 2017, no Orchesterzentrum NRW em Dortmund, Alemanha. O controle de tempo foi de 100 minutos para 40 lances, depois 50 minutos para 20 lances e então 15 minutos para concluir a partida, com um incremento de 30 segundos a partir do lance 1.


Relatórios anteriores:


Gostarias de receber mais conteúdo de xadrez em Português? Segue estes canais!

null  /chesscom.pt null  /chesscom_pt null  /chesscomPT null  /chesscom_xadrez
Mais de PeterDoggers
ACABADO DE SAIR: Dvorkovich Eleito Presidente da FIDE

ACABADO DE SAIR: Dvorkovich Eleito Presidente da FIDE

Carlsen Termina 2º Atrás de Mamedyarov em Biel

Carlsen Termina 2º Atrás de Mamedyarov em Biel