x
Xadrez - Joga e Aprende

Chess.com

GRATUITO - no Google Play

GRÁTIS - na Loja do Windows Phone

VER
Favoritos Tropeçam: Adams, Anand, Karjakin Eliminados

Favoritos Tropeçam: Adams, Anand, Karjakin Eliminados

Num dramático dia três em Tbilisi três nomes grandes tiveram de se despedir da Taça do Mundo da FIDE após a segunda partida da rodada dois. O campeão reinante Sergey Karjakin perdeu a sua partida de Pretas para o seu compatriota Daniil DubovVishy Anand foi eliminado hoje quando teve de se resignar com um empate vs Anton Kovalyov Michael Adams foi eliminado por Maxim Rodshtein.

Uma saída antecipada para o vencedor de 2015 Sergey Karjakin. | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.

Após somente sete partidas decisivas ontem esperava-se que muitos confrontos iriam a tiebreak. O número de confrontos que veremos hoje é muito alto: de novo 22, tal como na primeira rodada.

Só 10 em 64 jogadores foram apurados diretamente, e só um o fez ao vencer todas as suas partidas clássicas: o campeão do mundo. Daqueles que perderam na Quarta-feira, só Cheparinov conseguiu vencer obrigatoriamente, vs Navara.

2017 Taça do Mundo | Rodada 2 Resultados

Fed Player Fed Player Classical Rapid Blitz Score
Dreev (2648) Carlsen (2827) 0-1, 0-1 0-2
Bacrot (2728) Bu (2714) ½-½, ½-½ 1-1
Svidler (2756) Erdos (2619) ½-½, ½-½ 1-1
Onischuk (2682) Wojtaszek (2739) ½-½, ½-½ 1-1
Vachier-Lagrave (2804) Grachev (2654) 1-0, ½-½ 1½-½
Tari (2588) Lenderman (2565) ½-½, 0-1 ½-1½
Cori (2648) Grischuk (2788) ½-½, ½-½ 1-1
Navara (2720) Cheparinov (2695) 1-0, 0-1 1-1
Kramnik (2803) Demchenko (2650) 1-0, ½-½ 1½-½
Duda (2698) Ivanchuk (2727) ½-½, ½-½ 1-1
Motylev (2668) Giri (2777) ½-½, ½-½ 1-1
Harikrishna (2741) Sethuraman (2617) ½-½, ½-½ 1-1
Hou Yifan 2670) Aronian (2802) ½-½, ½-½ 1-1
Matlakov (2728) Andreikin (2708) ½-½, ½-½ 1-1
Karjakin (2780) Dubov 2666) ½-½, 0-1 ½-1½
Artemiev (2692) Radjabov (2742) ½-½, ½-½ 1-1
So (2792) Bluebaum (2633) ½-½, ½-½ 1-1
Tomashevsky (2710) Vallejo (2717) ½-½, 0-1 ½-1½
Adhiban (2670) Nepomniachtchi (2741) ½-½, ½-½ 1-1
Yu Yangyi 2750) Jobava (2702) ½-½, ½-½ 1-1
Bruzon (2651) Nakamura (2781) ½-½, ½-½ 1-1
Fedoseev (2731) Inarkiev (2694) 1-0, ½-½ 1-1
Anand (2794) Kovalyov (2649) 0-1, ½-½ ½-1½
Rodshtein (2695) Adams (2738) ½-½, 1-0 1½-½
Lenic (2646) Caruana (2799) ½-½, ½-½ 1-1
Vitiugov (2728) Najer (2694) ½-½, ½-½ 1-1
Wei Yi (2748) Rapport (2675) ½-½, ½-½ 1-1
Sevian (2610) Li Chao (2745) ½-½, ½-½ 1-1
Mamedyarov (2797) Kuzubov (2688) ½-½, ½-½ 1-1
Wang Hao (2701) Gelfand (2737) ½-½, ½-½ 1-1
Kravtsiv (2670) Ding Liren (2771) ½-½, ½-½ 1-1
Le (2739) Vidit (2702) 0-1, ½-½ ½-1½

Sem surpresa o dia dois da segunda rodada viu um número de empates rápidos: Rapport-Wei Yi, Erdos-Svidler, Bluebaum-So e um pouco mais tarde também Nakamura-Bruzon, Ivanchuk-Duda, Andreikin-Matlakov, Radjabov-Artemiev e Bu-Bacrot. Os jogadores preferem frequentemente de ir a tiebreak em vez de tomar riscos.

Rapport e Wei Yi deixando o recinto de jogo trouxe um sorriso ao rosto de Carlsen. Mais tarde ele explicaria porque: foi a ironia de dois dos mais excitantes jogadores escolhendo um empate rápido.

null

Svidler e Erdos empataram após 11 lances, o que não foi o empate mais curto do dia! | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.

No entanto, o empate mais rápido foi uma grande surpresa na medida que Anton Demchenko, que precisava de uma vitória para permanecer no torneio, ofereceu paz tão cedo como o lance 10. Vladimir Kramnik aceitou este presente bem-vindo, e avançou para o rodada seguinte sem esforço.

"Talvez ele não se sentisse bem, talvez ele estivesse só muito impressionado por mim," disse Kramnik, que ira jogar com o vencedor do Duda-Ivanchuk.

Demchenko tinha escapado imediatamente para o seu quarto de hotel, mas através do telefone explicou ao Chess.com: "Na Quarta-feira eu estava exausto depois do tiebreak. À noite fiquei doente, mas de manhã parecia estar a ficar melhor. Eu estava preparado para uma luta. No entanto, durante a partida senti-me de novo doente e apercebi-me que era impossível de jogar qualquer bom xadrez, e portanto oferecei um empate."

null

Demchenko sentiu-se demasiado doente hoje para jogar xadrez. | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.

A jogar na sua primeira Taça do Mundo, Demchenko acrescentou que chegar a segunda rodada não foi um mau resultado. "Eu tive um verão ocupado do ponto de vista de xadrez de modo que não tive tempo suficiente para descansar. Eu preparei-me, também fisicamente, mas eu ainda tenho mais para melhorar.

null

Kramnik foi o primeiro jogador a alcançar a terceira rodada. | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.

Aquilo foi só o início daquele que foi o dia mais dramático até agora em Tbilisi. Dois grandes favoritos (tanto quanto qualquer jogador pode ser um grande favorito neste torneio desgastante!) foram eliminados: o vencedor de 2015 Sergey Karjakin e o 5-vezes campeão do mundo Viswanathan Anand.

Este último tinha forçosamente de vencer, depois do seu bonito mas incorreto sacrifício de Quarta-feira. Mas ele falhou. Não vendo possibilidades de vitória restantes, Anand ofereceu um empate ao lance 31, assinou a sua planilha e selou a sua sorte.

null

O aperto de mão que confirmou a eliminação de Anand. | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.

Anand não jogou no Grand Prix, não perdeu o último confronto para o título e não terá um rating suficientemente alto para se qualificar para o Torneio dos Candidatos de 2018. Ainda assim, dizer que é o fim duma era é prematuro, uma vez que Anand pode ainda ser apurado.

Mas a lenda Indiana a deixar o hotel na mesma noite, e a regressar a casa num vôo cedo de Sexta-feira, foi triste de ver.

A eliminação prematura de Anand é boas notícias para os organizadores do torneio da Ilha do Homem do Chess.com, que decorre de Sábado 23 de Setembro ao Domingo 1 de Outubro de 2017. A lenda Indiana está na lista dos participantes, sob a condição de que ele podia ser dispensado se ele avançasse aqui às semi-finais. (Este é também o caso para e.g. MVL, Caruana, So e Nakamura.)

Kovalyov estava satisfeito obviamente, mas disse de novo que este torneio também é duro porque ele precisa de o reconciliar com os seus estudos em ciências de computador. "Eu irei ficar estressado. Mas por agora eu vou tentar ir não onda e preocupar-me mais tarde."

A entrevista do Chess.com com Kovalyov.

Pouco depois, outro gigante do xadrez teve de se despedir do torneio. Sergey Karjakin perdeu para o jogador de 21 anos Daniil Dubov, e com isso subitamente o confronto tinha acabado. Karjakin irá cedo para casa, muito mais cedo que da última vez.

"Este 6...Bc5 está a tornar-se extremamente popular," disse Dubov sobre a abertura; uma Inglesa com 1...e5. "10.b4 foi primeiro jogada por Gelfand mas eu consegui encontrá-la até antes de Boris a ter jogado."

Após a sua novidade 12.Ba3 ele pensou que "as Pretas tinham de se lembrar de montes de coisas." Mais tarde Karjakin explicou via um tweet que, mesmo tendo revisto tudo de manhã, ele confundiu as coisas ao lance 18.

"Eu na verdade fiquei satisfeito de me ter conseguido preparar melhor do que ele porque eu tive uma meia-hora extra e quando eu obtive uma grande vantagem, eu tive algum tempo para me acalmar, calcular e verificar de novo algumas linhas," disse Dubov.

Ele não planeia assistir ao tiebreak entre Artemiev e Radjabov, porque o seu próximo confronto "será um jogo de roleta de qualquer modo" e que ele "não tem receio de qualquer dos jogadores." Em vez disso ele vai assistir os seus dois amigos Gelfand e Matlakov.

Dejan Bojkov's Game of the Day

null

O árbitro Faik Gasanov do Azerbaijão olhando para a posição. | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.

Outro grande jogador, com uma história rica quando toca a torneios de nocaute, irá deixar Tbilisi: Michael Adams. O grande mestre Inglês perdeu para Maxim Rodshtein de Israel mas o Inglês congratulou graciosamente o seu oponente, e apertou mãos por uma segunda vez depois de debater várias variantes no tabuleiro.

"Estou muito satisfeito sobre isto é claro. Eu não podia até imaginar que conseguiria suplantar Michael, especialmente de Pretas numa tal posição," disse Rodshtein. "Penso que ele se tornou demasiado ambicioso a certa altura; ele perdeu o fio à posição. Eu senti que as Brancas estavam a fazer alguma coisa errada, eu joguei alguns lances naturais e então eu gostei mesmo da minha posição."

null

Perdendo graciosamente: Michael Adams, co-vencedor do Groningen Interzonal de 1993 (com Vishy Anand!), para mencionar só um sucesso. | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.

Para além de Kramnik, outros dois favoritos qualificaram-se suavemente para a terceira rodada. Maxime Vachier-Lagrave obteve um empate relativamente fácil, o que foi exatamente o que ele precisava após vencer a partida do dia anterior contra Boris Grachev. Magnus Carlsen manteve a sua pontuação a 100 porcento até agora com uma segunda vitória sobre Aleksey Dreev

"Eu estava com vontade de jogar," disse Carlsen, que não tinha intenção de ir para um empate logo do princípio. "Eu não me importaria com um empate, mas eu não joguei para isso."

Ele ficou surpreendido que Dreev não fez uma troca de sacrifício  que era muito lógica tendo em conta os seus lances prévios. "A forma como ele jogou perde normalmente."

null

Uma breve interação entre Carlsen e Nona Gaprindashvili, que estava a jogar blitz com o irmão de  Baadur Jobava, Beglar, na sala de imprensa. | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.


A entrevista com Carlsen no Chess.com.

Boas notícias para os Espanhóis, uma vez que Paco Vallejo avançou também. Ele eliminou Evgeny Tomashevsky usando o não tão popular Ataque de Worrall. As Pretas pareceram estar razoavelmente bem no início do meio-jogo, mas o seu plano de empurrar o peão-b por alguma razão não deu resultado. As Brancas ganharam o peão-a6, permaneceram com vantagem dum peão e obtiveram um passado decisivo em d7.

nullVallejo parece ter calculado melhor do que o sólido Tomashevsky. | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.

Enquanto a "Sagrada Trindade" (como os chama Yasser Seirawan) Caruana, Nakamura e So precisaram de jogar um tiebreak, o quarto grande mestre Americano já esta seguramente na terceira rodada. Aleksandr Lenderman venceu um final modelo de Brancas contra Aryan Tari da Noruega, que não teve defesa contra a atividade das Brancas na ala de dama.

Lenderman disse ao Chess.com: "Eu optei por este final que tem sido visto num par de partidas de alto nível. Eu pensei que esta era um escolha prática interessante para esta partida e na realidade resultou bastante bem."

Lenderman revelou um pequeno segredo ao Chess.com na nossa entrevista.

Como foi mencionado na introdução, sete jogadores perderam na Quarta-feira e só um deles ainda permanece em competição. Ivan Cheparinov conseguiu igualar a pontuação de peças brancas contra David Navara. O jogador Búlgaro ganhou um peão quando o seu oponente enfraqueceu demasiado o seu rei.

Cheparinov não teve então de completar a tarefa técnica num final de dama, porque Navara permitiu uma troca de damas, calculando mal o final de peões.

null

O Rapaz das Recuperações Cheparinov ainda está em jogo em Tbilisi. | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.

Das 22 partidas de tiebreak hoje tu podes querer prestar atenção a Yuriy Kuzubov vs Shakhriyar Mamedyarov. Eles não deixaram o seu segmento de clássicas como os melhores amigos do mundo depois de Kuzubov manobrar por demasiado tempo sem fazer progresso. Na opinião de Mamedyarov, este último recusou oferecer um empate num final de bispos de cor-oposta que um jogador de clube consegue empatar com Carlsen.

null

Mamedyarov e Kuzubov decidiram acabar o dia ao lance 130. | Foto: Chess.com/Maria Emelianova.

S.P. Sethuraman conseguiu contrariar Pentala Harikrishna há dois anos atrás, também na segunda rodada, ao bater o seu oponente de Brancas num final da Berlim. Desta vez o jogador Indiano sete anos mais novo jogou 1.Cf3, e a partida tornou-se super penetrante. Logo quando Sethuraman pareceu estar a ficar com as melhores chances ele decidiu jogar pelo seguro e oferecer um empate.


2700 chess.com Ratings em Tempo Real

null

Quase o inteiro top 20 está a perder pontos de rating, excepto por Carlsen e Svidler (e Topalov e Dominguez que não estão a jogar em Tbilisi.)

Descarregar todas as partidas em PGN

Partidas de TWIC.

A Copa do Mundo tem lugar de 3-27 de Setembro em Tbilisi, Georgia. Cada rodada consiste de duas partidas de clássicas (quatro na final), e possivelmente um tiebreak de rápidas e blitz ao terceiro dia. O fundo total de prémios é de $1,6 milhões com um primeiro prémio de $120.000. Para além disso, os primeiros dois classificados ficarão apurados para o Torneio dos Candidatos de 2018.

O Chess.com transmite as partidas no Chess.com/Live. Em adição, podes ver o comentário em direto no Chess.com/TV oferecido pelos Chessbrahs, que inclui alguns dos melhores comentadores no planeta: GM Eric Hansen, GM Robin van Kamen, GM Yasser Seirawan e o IM Aman Hambleton.


Relatórios anteriores:


Gostarias de receber mais conteúdo de xadrez em Português? Segue estes canais!

null  /chesscom.pt null  /chesscom_pt null  /chesscomPT null  /chesscom_xadrez

Online Agora