Hou Yifan Única Vencedora Na Rodada 1 do GP de Moscou

Hou Yifan Única Vencedora Na Rodada 1 do GP de Moscou

Hou Yifan foi a única vencedora da primeira rodada do FIDE Grand Prix em Moscou. A Chinesa número-um do mundo dos jogos femininos derrotou o jogador Russo Ian Nepomniachtchi com as peças pretas.

Ian Nepomniachtchi concede a sua partida vs Hou Yifan. | Foto: Maria Emelianova.

A cerimônia de abertura do segundo FIDE Grand Prix tomou lugar na Quinta-feira à noite no Royal Rental Studio na rua Malaya Ordynka, no centro de Moscou. O interior clássico correspondeu aos requerimentos de alto desenho da Agon, mas tinha falta de espaço para acomodar todos os convidados.

Quase 200 pessoas, incluindo alguns convidados dos meios de comunicação convencional (os meios de comunicação de xadrez não foram informados sobre onde a cerimónia iria ter lugar) juntaram-se em salas um pouco apertadas para desfrutar de coquetéis grátis por Beluga e assistir a um sorteio de certo modo desajeitado.

null

Após os discursos por Israel Gelder da FIDE e Ilya Merenzon da Agon, os jogadores foram misteriosamente trazidos para o palco em pares, e endereçados somente em Russo. Jogadores de língua Inglesa como Michael Adams e Hikaru Nakamura estavam visivelmente perplexos. Para concluir Maxime Vachier-Lagrave fez o sorteio, ficou com as peças brancas para a ronda um, e foi tudo.

Na Sexta-feira às 14:00 a primeira ronda desta segunda edição do Grand Prix foi iniciada no edifício do Central Telegraph do Boulevard Tverskaya, o mesmo local do Torneio dos Candidatos do ano passado. De novo, 18 jogadores (seis novos nomes em comparação com a primeira rodada em Sharjah) irão disputar um formato Suíço de nove-rodadas para um fundo de prêmios de 130.000 euros (142.000 dólares).

Resultados da Ronda 1

Bo. No. Fed Title Nome Rtg Resultado Fed Título Nome Rtg No.
1 1 GM Vachier-Lagrave,M 2795 ½- ½ GM Adams,M 2747 10
2 11 GM Inarkiev,E 2727 ½- ½ GM Nakamura,H 2786 2
3 3 GM Giri,A 2785 ½- ½ GM Gelfand,B 2724 12
4 13 GM Radjabov,T 2710 ½- ½ GM Ding Liren 2773 4
5 5 GM Mamedyarov,S 2772 ½- ½ GM Vallejo Pons,F 2710 14
6 15 GM Tomashevsky,E 2696 ½- ½ GM Svidler,P 2755 6
7 7 GM Nepomniachtchi,I 2751 0-1 GM Hou Yifan 2652 16
8 17 GM Salem,S 2633 ½- ½ GM Grischuk,A 2750 8
9 9 GM Harikrishna,P 2750 ½- ½ GM Hammer,JL 2621 18

Se o início deste torneio te surpreendeu, você não foi o único. Num post do Facebook por GM Emil Sutovsky hoje GM Fabiano Caruana comentou: "Eu nem sequer sabia que eles tinham começado a jogar."

A organização da Agon fez muito pouco para promover o evento com antecedência, mas também não o fizeram os principais websites de xadrez, cuja relação com a Agon está piorando cada vez mais.

Devido às tentativas da Agon de limitar a transmissão ao vivo das partidas exclusivamente para o seu website, um dos principais sites Russos, ChessPro, não tem oferecido cobertura dos eventos da Agon desde o Torneio dos Candidatos o ano passado. Agora o Chess24, o site número-um para assistir online às partidas ao vivo, decidiu fazer um boicote completo do Moscou Grand Prix: não haverão noticias, tweets ou transmissões.

Hoje os lances já estavam disponíveis em tempo real, por exemplo na Chessbase.com, e de fato também no próprio site da Agon WorldChess.com. Sem qualquer divulgação a Agon decidiu oferecer hoje transmissões gratuitas, ainda que muitos adeptos de xadrez tivessem já pago 10 dólares para assistir, ou 25 dólares para todos os quatro torneios.

Conforme o indicado, a partir de amanhã as transmissões estarão disponíveis somente para membros que pagaram—assim como também o torneio. Para entrar no Edifício Telegraph os adeptos locais têm de pagar 1500 rublos (24 euros ou 26 dólares ) por dia.

Na cerimônia de abertura, com a bravura habitual Merenzon declarou: "Os olhos do mundo do xadrez estarão em Moscou mais uma vez. Esperamos milhares de espectadores no recinto e milhões mais irão seguir cada lance no worldchess.com." 

A Agon irá ter dificuldade em atingir 10 porcento desses números.

null

Um forte contraste: o Grand Prix de Moscou hoje (esquerda, foto Maria Emelianova), e os 16 º Campeonatos da USSR em Moscou de 1948 (direita, foto ChessPro).

Se já chegaste aqui, então os oito empates e somente uma partida decisiva não te assustaram. Ainda bem. Porque, como disse hoje Peter Svidler, a rodada foi bastante boa, com algumas batalhas de bastante interesse teórico e tático.

No entanto, comecemos com outra tentativa de te assustar. O primeiro empate foi alcançado depois de meia hora e com somente 11 lances, entre Salem Saleh e Alexander Grisxhuk. Para este último, que estava um pouco doente (devido ao tempo de neve!), foram muito boas notícias. E Salem? Ele tentou explicar que tinha ficado surpreendido por 8...Cf6 quando o cavalo em d2 estava muito mal posicionado, mas depois confessou que viu uma forma rápida de não começar outro torneio com uma derrota.

null

Tem estado a nevar em Moscou nos últimos dias. Grisxhuk  "Na verdade estou bastante doente. Este tempo está acabando comigo."

Ainda está aí? Acha que este artigo será entediante, e que o torneio todo será chato? Não, vamos permanecer positivos e citar Evgeny Tomashevsky, que concordou com Svidler que este evento será melhor do que Sharjah. "Algumas pessoas irão assumir riscos porque têm chances, outras irão assumir riscos porque não têm chance alguma!"

null

E que tal uma foto como esta para divertimento? O rapaz que faz o primeiro lance é Misha Osipov, de quem é possível que te lembres da sua partida televisionada com Anatoly Karpov em Janeiro. | Foto: Maria Emelianova.

Jon Ludvig Hammer, por exemplo, acabou nas classificações mais baixas e não é geralmente considerado de estar entre os favoritos desta série. Contra Pentala Harikrishna ele assumiu decididamente um risco ao agarrar muitos peões, mas o seu sacrifício de dama foi de fato muito prometedor. "Eu pensei realmente que ia vencer. Eu tenho a certeza que tinha uma posição vitoriosa," disse ele.

null

Emoções mistas para Hammer: um empate de Pretas normalmente é razoável, mas difícil de digerir quando estás a caminho de vencer. | Foto: Maria Emelianova.

Outro bom empate foi o de Ernesto Inarkiev vs Hikaru Nakamura. O jogador Russo participou em somente um torneio de Grand Prix da FIDE previamente (2008 em Elista), e está agora de volta, nove anos mais tarde. Ele disse que estava orgulhoso do seu lance 18. Db1, e de que tinha ficado surpreendido de o seu oponente ter achado todos os lances do computador.

Nakamura: "Especialmente quando o teu oponente está jogando esses lances todos rapidamente, permanecer calmo e encontrar todos os lances bons é importante, e por isso estou satisfeito."

É claro, a vitória de Hou Yifan sobre Ian Nepomniachtchi foi a partida do dia. Foi uma ótima demonstração de jogo prático, em que Hou agarrou material no início mas mais tarde deu de volta depois de Nepo ter enfraquecido a sua posição.

null

null

Hou Yifan, a líder inicial em Moscou. | Foto: Maria Emelianova.

null

Um decepcionado Ian Nepomniachtchi deixando o edifício. | Foto: Maria Emelianova.

O torneio decorre até 21 de Maio, com um dia de folga em 17 de Maio. Como lembrança, aqui estão as classificações finais do torneio anterior, que mostra a situação do Grand Prix neste momento.

2017 Sharjah Grand Prix | Classificações Finais

Rk. SNo Fed Nome Rtg Pts. TB1 TB2 TB3 GP points Prize (€)
1 9 Grischuk Alexander 2742 5,5 1,5 2 0 140 15,667
2 1 Vachier-Lagrave Maxime 2796 5,5 1 2 1 140 15,667
3 4 Mamedyarov Shakhriyar 2766 5,5 0,5 3 0 140 15,667
4 5 Ding Liren 2760 5 0 2 1 70 9,000
5 7 Adams Michael 2751 5 0 2 0 70 9,000
6 12 Jakovenko Dmitry 2709 5 0 1 1 70 9,000
7 3 Nakamura Hikaru 2785 5 0 1 0 70 9,000
8 8 Nepomniachtchi Ian 2749 5 0 1 0 70 9,000
9 14 Rapport Richard 2692 4,5 0 2 1 25 4812,5
10 6 Eljanov Pavel 2759 4,5 0 2 1 25 4812,5
11 10 Li Chao 2720 4,5 0 2 0 25 4812,5
12 13 Vallejo Pons Francisco 2709 4,5 0 0 0 25 4812,5
13 2 Aronian Levon 2785 4 0 0 0 7 3625
14 17 Hou Yifan 2651 4 0 0 0 7 3625
15 16 Salem A.R. Saleh 2656 3,5 1 1 0 3 3000
16 18 Hammer Jon Ludvig 2628 3,5 1 0 0 3 3000
17 11 Tomashevsky Evgeny 2711 3,5 1 0 0 3 3000
18 15 Riazantsev Alexander 2671 3 0 0 0 1 2500

Depois de Moscou irão haver mais dois Grand Prix: em julho em Geneva, e em novembro em Palma de Maiorca. Os primeiros dois classificados estarão automaticamente qualificados para o Torneio dos Candidatos de 2018.

Partidas de TWIC.


Reportagem anterior:


Gostaria de receber mais conteúdo de xadrez em Português? Siga estes canais!

null  /chesscom.pt null  /chesscom_pt null  /chesscomPT null  /chesscom_xadrez
Mais de PeterDoggers
Com Só 3 Vitórias em Tabuleiros a Rússia Lidera Equipas Europeias

Com Só 3 Vitórias em Tabuleiros a Rússia Lidera Equipas Europeias

Kramnik Sobre a Carta Coringa dos Candidatos: 'Muito Provavelmente a Minha Última Chance'

Kramnik Sobre a Carta Coringa dos Candidatos: 'Muito Provavelmente a Minha Última Chance'