O Segredo de Mamedyarov Para o Xadrez Clássico... Moderno

O Segredo de Mamedyarov Para o Xadrez Clássico... Moderno

Gserper
GM Gserper
14/06/2017, 00:00 |
0 | Diversos

Quando eu li as recentes notícias de que o GM Shakhriyar Mamedyarov do Azerbaijão tinha cruzado a mágica marca de 2800, eu não fiquei surpreendido.

Bom, na verdade eu fiquei surpreendido que não tivesse acontecido muitos anos antes. Tu vês, enquanto é difícil para mim dizer quando eu primeiro ouvi os nomes de Carlsen ou Aronian, eu recordo-me muito bem de como eu reparei em Shakhriyar Mamedyarov. 

null

Em 2003, eu li um relatório de que um jogador de xadrez do Azerbaijão tinha vencido o Campeonato do Mundo de Juniores sub-18, pontuando 10 pontos em 11 partidas! Eu decidi ver as suas partidas e apercebi-me de que as suas partidas eram ainda mais impressionantes do que o resultado!

Logo a primeira partida de Shakhriyar que eu vi causou uma impressão muito forte em mim. Shah (esta é a maneira como a maioria dos seus colegas chamam a Mamedyarov) sacrificou inesperadamente uma troca e depois, surpreendentemente, as Brancas simplesmente ficaram sem um plano claro!

O oponente de Mamedyarov teve de se limitar a vê-lo mobilizar lentamente as suas peças para o assalto final.

Não analises esta partida com um computador: este irá provavelmente dizer-te que as Brancas tinham uma enorme vantagem depois do sacrifício de troca. Tenta simplesmente analisá-la usando o teu próprio cérebro e verás como a tarefa defensiva das Brancas era difícil! As partidas de Mamedyarov fazem-me lembrar dos sacrifícios de troca clássicos do grande Petrosian. Tal como o próximo, por exemplo:

Para te dizer a verdade, eu gosto mais da partida de Mamedyarov. O sacrifício de Petrosian foi bastante natural uma vez que a compensação das Pretas pela troca era muito óbvia. Enquanto na partida de Mamedyarov, a minha primeira reacção depois do seu sacrifício foi "whaaat??"

Incidentemente, eu tenho notado uma característica muito interessante em muitas das partidas de Mamedyarov. Ele utiliza um conceito clássico bem conhecido como uma inspiração e depois produz uma jóia ainda mais sofisticada e bela.

Avalia por ti próprio: a próxima partida cabe na categoria de "todo o rapazito Russo sabe." Em caso do teu treinador de xadrez nunca ta ter mostrado, tenta achar a combinação vitoriosa.

Agora tenta achar a combinação de Mamedyarov:

É o meu palpite ousado, mas talvez o uso criativo por Mamedyarov da herança clássica tenha algo a ver com o facto de ele ser do Azerbaijão. Estive neste país um par de vezes e fiquei impressionado pela mistura de culturas diferentes trazidas pelos vários grupos étnicos que aqui vivem. Nós podemos presenciar a mesma mistura de estilos diferentes nas partidas dos jogadores do Azerbaijão. Não é provavelmente uma coincidência que Garry Kasparov dedicou o seu livro "The Test of Time" (O Teste do tempo) a Baku, a cidade capital do Azerbaijão.

Incidentemente, esta mistura singular de estilos e culturas diferentes pode ser vista na seguinte interpretação da canção clássica. Eu nem sei do que gosto mais: dos instrumentos folclóricos do Azerbaijao, das belas gémeas ou da versão local de John Belushi!

Agora Mamedyarov é ele próprio um dos praticantes modernos do ataque clássico e portanto muitos jogadores de xadrez podem usar as suas partidas como uma inspiração. Olha para outra:

Parece que eu não fui o único que analisou as partidas espetaculares de Mamedyarov do Campeonato do Mundo de Juniores. Dois anos mais tarde o futuro campeão do mundo seguiu os passos de Mamedyarov:

Deixa-me oferecer-te dois exercícios finais. Acha as combinações vitoriosas jogadas por Shakhriyar Mamedyarov. A primeira posição é muito fácil, mas a segunda é uma noz dura de quebrar!


Gostarias de receber mais conteúdo de xadrez em Português? Segue estes canais!

null  /chesscom.pt null  /chesscom_pt null  /chesscomPT null  /chesscom_xadrez
Mais de GM Gserper
Estás Viciado(a) na Corrida de Problemas?

Estás Viciado(a) na Corrida de Problemas?

Fabiano Caruana: O Que Deu Errado?

Fabiano Caruana: O Que Deu Errado?